RIOLUZ apresenta modelo de PPP que será implementado

ATUALIZADA EM 12/03/2019

Nesta 2ª feira, 11 de março, representantes da RIOLUZ apresentaram no auditório do TCMRJ o escopo da parceria público-privada que será implementada para a gestão da rede de iluminação pública. O procedimento ainda se encontra na fase de consulta pública e encerrará ainda nesse mês de março.

O modelo de gestão propõe a modernização da rede de iluminação pública, com o consequente aumento na eficiência de sua gerência. Troca das lâmpadas atuais pela tecnologia de LED, câmeras de segurança, software de análise inteligente de imagens, além da substituição dos postes de concreto por postes de fibras metálicas (que geram um impacto menor em acidentes), são algumas das melhorias que a parceria proporcionará. Tudo isso será monitorado por um novo centro de operações específico, , que receberá os chamados redirecionados do 1746.

O investimento será viabilizado da seguinte forma: os contribuintes pagam a Contribuição de Iluminação Pública - COSIP (incluída na fatura de energia elétrica) para a distribuidora de energia. Esta, por sua vez, repassa a contribuição para o parceiro público-privado vencedor da licitação, que será responsável pela gestão, manutenção e modernização da rede de iluminação e pelo pagamento da conta de energia da rede pública para a própria distribuidora.

Dessa forma, espera-se uma eficientização do parque de iluminação pública, assim como o aumento da durabilidade da infraestrutura, o que geraria uma menor necessidade de manutenção, gerando melhores ganhos para o município, mas com a solidez jurídica proporcionada pela regulação da PPP.